Abertura do Ano – Jufem Curitiba

No dia 19 de fevereiro de 2017, no Santuário Tabor Magnificat, a Jufem Curitiba se encontrou logo cedo para desfrutar da Abertura do Ano, preparada com muito amor e carinho pelas novas dirigentes Caroline Vieira e Emanuelle Battini. Junto com a nossa assessora Ir. Eliza Maria, ao todo éramos em 14 meninas de quatro grupos diferentes, Speculum Regina ter Admirabilis, Mariengarten, Fonte de Fidelidade e o novo grupo que se inicia ainda nesse semestre, Grupo Universitárias III.
Iniciamos com uma linda adoração no Santuário, em que cada menina pode ter seu momento com o Jesus presente no Santíssimo e colher um lírio muito especial feito por nossas dirigentes. Em seguida, Ir. Eliza Maria conduziu uma dinâmica em que tivemos a oportunidade de elogiar e exaltar as qualidades de nossas irmãs de ramo, a qual nos fez relembrar de que somos uma família que tem seus problemas, mas que acima de tudo se ama. Após esse momento de integração, nossa assessora nos apresentou o lema da Jufem em âmbito nacional: “Filha amada, assume a essência do teu ser!”, nos alertando sobre como devemos zelar por aquilo que nos faz única e especial aos olhos de Deus e da Mãezinha.
Para encerrar o período da manhã, nossa dirigente Carol que esteve presente no Encontro Nacional de Dirigentes em Santa Maria/RS, partilhou sua experiência e aprendizado durante o encontro: “Ir para o encontro de dirigentes foi uma das melhores coisas que eu fiz durante esse tempo de Jufem. Lá eu pude viver intensamente minha Aliança de Amor, voltar a minha essência e meu amor por Schoenstatt. Conviver com meninas com o mesmo ideal e pulsar pela MTA me deixou encantada e me fez ter mais a certeza de que quero Schoenstatt para minha vida. Sou grata a MTA pela oportunidade de ter tido uma vinculação maior com a MTA, com o Pai e Fundador , com o Pozzobon e com outras meninas. Peço que a Mãe me abençoe para que eu consiga transmitir esse amor dia a dia no ramo e no meu dia a dia”. Além disso, ela pode passar brevemente os assuntos que serão tratados no livro do ano da Jufem e esse será lançado e entregue as representantes de todas as cidades ainda esse mês.
Durante o período da tarde tivemos a parte prática da Abertura: datas, horários, projetos e propósitos. Esse ano foi anunciado uma proposta diferente para o ramo: duas reuniões mensais, uma de cada grupo de vida e outra do ramo como um todo, ou seja, os grupos de vida ainda continuam com suas conquistas e, unidas como ramo, há o aprofundamento nos temas abordados no livro do ano. Foi também nos apresentado o calendário do ano, e em cada mês há um propósito em especial pelo ramo, pela Família de Schoenstatt e pela Igreja. Encerramos nossa Abertura com a sensação de dever cumprido e com aquele sentimento de que a Jufem Curitiba, mesmo com muitas provações pelo caminho, consegue seguir em frente com muito amor e em constante contribuição ao Capital de Graças.
 
Por Daniela Dalagrana e Natália Lavoranti

Seja o primeiro a comentar em "Abertura do Ano – Jufem Curitiba"

Deixe seu comentário

Seu email não será publicado.


*