Em posição de largada para o novo século de Schoenstatt

São 2h 30min da manhã do dia 18 de outubro, a Juventude Feminina de Schoenstatt (Jufem) acaba de encerrar sua vigília no Santuário Tabor da Permanente Presença do Pai e já avista uma procissão com o quadro da MTA: são os jovens da Juventude Masculina se aproximando. Unidos nas primeiras horas do Centenário eles querem garantir o futuro de Schoenstatt.

Aproximadamente 60 jovens, vindos de Atibaia/SP, Bragança Paulista/SP, Louveira/SP, Mairiporã/SP e São José dos Campos/SP participam do momento. O tema central é o mesmo da Tenda da Juventude, na Alemanha: “Todos na posição de partida para Schoenstatt”.

Desde a eternidade chamados a uma missão

Para entrar no Santuário cada jovem é convidado a preencher seu “número de inscrição” para esta “corrida” rumo aos próximos 100 anos.
O número indicado é a data de nascimento de cada um, representando que desde esse dia o Pai do Céu já os escolhia para a missão de Schoenstatt, da Aliança de Amor.

Depois de inscritos, são passadas as instruções: esta é uma corrida diferente, não uma competição, mas um revezamento, no qual cada geração vai passando sua herança a diante, desde a fundação de Schoenstatt.

Nossos melhores atletas: os heróis de Schoenstatt

E se os jovens querem aprender como participar dessa corrida para levar Schoenstatt aos tempos vindouros, exemplos não faltam, e eles decidem se espelhar nos heróis. Com essa ideia lançada cada um é convidado a escolher um “treinador”, um herói que possa ser seu modelo e que o ajude a viver com plenitude a vida de Aliança.

Além de escolher um treinador, todos também anotam um propósito particular para seu treinamento diário: a ideia é que, como presente para o Centenário, cada um possa buscar melhorar alguma dificuldade e ofertar ao Capital de Graças.
Correndo para levar a Cultura da Aliança

Levar Schoenstatt ao ambiente em que estão é outro desafio lançado a Juventude. Como cada um pode viver sua vida de Aliança no trabalho, escola, faculdade, na academia, Igreja ou em casa?

A Aliança é a primeira “medalha” que eles conquistaram, assim definem em sua reflexão, e garantem que com ela é possível ser uma só juventude, unida no coração da Mãe e do Pai para transformar o ambiente em que vivem.

Que as gerações futuras nos julguem

O horário como Juventude Apostólica vai chegando ao fim, é hora de renovar a Aliança de Amor em unidade: abraçados e em uma só voz. Como presente para guardar de recordação deste dia, cada jovem ao entregar seu propósito na talha retira uma mensagem do Pai Fundador que foi colocada no altar.

No verso de cada uma, uma frase do 1º Documento de Fundação resume o que viveram nesta noite “Sinto que minhas palavras encontraram eco. Seus corações se inflamaram. Vocês assumiram o meu plano. Deposito tranquilamente em suas mãos, tanto o plano como sua execução e sem receio registro-o em nossa crônica. As gerações futuras que nos julguem. Será que atingiremos nosso objetivo?” (Pe. Kentenich)

A Juventude Feminina deixa o Santuário e a Juventude Masculina segue até às 6 horas com sua vigília jubilar.

Fonte: maeperegrina.org.br

1 Comentário em "Em posição de largada para o novo século de Schoenstatt"

  1. Foi um momento lindo!!! Que possamos ser sempre fieis aos nossos ideais!!!! Parabéns juventude!!! Vamos nos reunir mto ainda… =)

Deixe uma resposta para Alessandra Veras Cancelar resposta

Seu email não será publicado.


*