Ficamos nisso: permaneçamos fiéis!

Nos dias 2 e 3 de setembro foi realizado mais um Encontro Regional da Jufem em Atibaia, cujo o tema era: “Filha amada, assume a essência do teu ser”. Durante todo o encontro houve muita troca de experiências, momentos de alegria e ensinamentos, principalmente com a mensagem de Irmã M. Aleja, que nos proporcionou um estímulo na busca pela santidade.

Ela nos contou sobre nossa heroína, Bárbara Kast, que viveu como uma simples jovem de 18 anos, cuja missão executou da melhor forma: “Minha missão no mundo é: com tua ajuda e amor, preencher-me de Deus, de Cristo… e dá-lo aos demais. Essa é minha missão, levar Deus a todos os homens, mas eu o farei negando-me a mim mesma, para que Cristo e tu atuem por mim” (Bárbara Kast).

Irmã M. Aleja nos mostrou como podemos ser jovens normais, com um diferencial, escutando e respondendo ao chamado de viver o ideal “Lírio do Pai, Tabor para o mundo” em todos os lugares que frequentamos, levando a todos a essência do nosso ser: Maria.

Em nosso encontro pudemos reafirmar que somos criadas pelo amor e para amar, dessa forma, devemos nos voltar para nosso interior, buscar nossa essência, aquilo que “é invisível aos olhos”, porque “somos o que fazemos”. Em nossas atitudes, palavras e até mesmo em nossos pensamentos podemos expressar o amor.

Esse sentimento complexo e tão necessário para o viver orgânico, evita mecanicismos e, pela fé, experimenta o amor da Mãe, que ajuda a curar nossas necessidades mais profundas. Refletindo sobre assumir aquilo que é intocável e imutável, ou seja, a nossa essência, olhamos para dentro de nós mesmas e reafirmamos nossa Aliança com a Mãe.

Nossa doação total a ela, nossa vinculação ao mundo de Schoenstatt, ao estilo de vida schoenstattiano é para nós um chamado vocacional. No final do encontro, tivemos as despedidas das jovens: Camila Baiona e Beatriz Cabral de Araraquara, Síbila Landim e Priscila Lemes de São José, Suzana Guariente, Bárbara Garcia e Thaís Kreling de Londrina e Karina Paula de São Bernardo do Campo.

Nesse momento, pudemos perceber o quanto a Mãe age nos corações juvenis, pois na apresentação dos vídeos com os momentos mais felizes na JUFEM, pudemos observar olhos lacrimejando, a saudade e o orgulho de terem feito parte da JUFEM e construído uma história maravilhosa!

Todas as irmãs de grupo estavam emocionadas por terem consciência dessa nova fase que se inicia em suas vidas, sabem que suas dirigentes/irmãs permaneceram firmes e chegaram a esse momento, dispostas a continuar em Schoenstatt, assumindo a missão. Particularmente experimentei uma emoção intensa, quando percebi quão grande é vestir a camisa e caminhar com uma geração de jovens como estas que se despediram!

Essas “pós-fundadoras”, que viveram o centenário em 2014, possuem tamanha vivacidade, capaz de me inflamar. Quando recebi a camiseta foi um momento muito marcante para todas nós! Hoje agradeço imensamente a Deus, a MTA e todas as meninas presentes nesse regional, pois com elas aprendi a ter convicção e forças para pronunciar meu SIM.

SIM, para minha consagração, SIM para o mundo de Schoenstatt, SIM para a vontade de Deus e da MTA na minha vida e SIM para ser usada como instrumento de fé em todas as situações. Agradeço imensamente por tudo, principalmente por ter sido agraciada com a presença de cada JUFEM que, com sua individualidade, compôs esse tema “Filha amada”, que assume a essência do seu ser.

Seja o primeiro a comentar em "Ficamos nisso: permaneçamos fiéis!"

Deixe seu comentário

Seu email não será publicado.


*