MISSÕES – APÓSTOLAS LUZENTES DE MARIA GUARAPUAVA/PR

No dia 6 de maio, as Apóstolas Luzentes de Maria de Guarapuava/PR realizaram as Missões das Apóstolas. Este foi o primeiro desafio da Maratona Kentenich, uma proposta elaborada pelas dirigentes e assessoras no material deste ano,  e animou muito as meninas. Para a maioria delas esta foi a primeira vez em que saíam em missão. Com a ajuda dos pais, os pequenos raios de luz foram divididos em 10 equipes para missionar. A atividade foi realizada em um local bem próximo ao Santuário Tabor das Vocações. Ao total cerca de 70 pessoas foram visitadas.

Cada equipe levou consigo a imagem da Mãe de Deus e lembrancinhas contendo sal e uma vela, representando o sal da terra e a luz do mundo, símbolos do Ano do Laicato. A animação das meninas era tão grande que, a todo momento, cantavam canções das Apóstolas pelas ruas, irradiando muita luz pelo o caminho.

Ao chegar no local, cada equipe saiu para seu destino. Isabel Cristina dos Santos, de 10 anos, relata como foi vivenciar as missões: “gostei de quando visitei uma senhora que estava precisando muito desabafar. Ela disse que nós chegamos na hora certa, porque ela precisava conversar. Também teve o caso de uma senhora de 94 anos, ela era muito religiosa,  fez o esforço de pegar uma imagem de Nossa Senhora, acender uma vela e pegar um terço para nos receber. Depois, quando estávamos indo embora, ela disse para esperarmos e nos deu balas. Assim como o Pe. José Kentenich, ela adorava as crianças e oferecia doces à elas”.

Ana Dias, de 7 anos, completou: “o que mais chamou minha atenção é que todo mundo nos recebeu bem e a maioria aceitou a oração”. Josiane, mãe da apóstola Ana Dias, também conta como foi sua primeira experiência de missões: “chamou minha atenção um senhor muito idoso, que morava sozinho, sem ninguém, quase abandonado. A família morava longe, em outra cidade. Ele ficou tão feliz em nos receber, nos convidou para entrar, coisa que acho que não faria, não convidaria para entrar sem conhecer. Em outra casa, as meninas explicaram sobre o sal e a luz e o homem que nos recebeu falou que precisamos ser o sal, porque ele dá sabor sem aparecer. Ele reforçou que nós fizemos o bem e precisamos fazer isso sem mostrar, querer aparecer. Achei muito interessante, pois ele realmente entendeu o que estávamos falando”.

Ao retornar para o Santuário, as meninas contavam uma para outra suas experiências, todas com vontade de missionar mais vezes, pois foi um dia muito gratificante. Na oportunidade elas puderam perceber que fizeram o bem para várias pessoas, levando o amor de Maria e de seu filho Jesus àqueles que mais precisavam, sendo luz para o mundo e dando um sabor especial na vida dessas pessoas. Com todas as duplas reunidas, foi entregue diante da Mãe de Deus cada intenção recolhida durante as missões. O dia terminou com a consagração à MTA, em seu mês especial.

Seja o primeiro a comentar em "MISSÕES – APÓSTOLAS LUZENTES DE MARIA GUARAPUAVA/PR"

Deixe seu comentário

Seu email não será publicado.


*