O grande dia de nossa consagração – Jufem Frederico Westphalen, RS

Num período de experiência da vivência diária do Horário Espiritual e do Exame Particular fomos confirmando nosso pertencimento livre e exclusivo à Deus Pai. E nessa atitude de confiança singela e filial nos entregamos no dia 18, com o ato solene.

No dia 18 de maio de 2014 nós provamos nosso amor à MTA, vivenciando um dia de retiros. Iniciamos com reflexões a cerca da nossa vida de oração, que nos aproxima e assemelha à Deus Pai e à MTA, e em seguida fomos abençoadas com as reflexões sobre o Exame Particular com o Padre Ottomar Schneider. Nosso almoço foi envolto pelo silêncio, pois é desta forma que ouvimos a “voz” de Deus – foi um momento de grande amadurecimento pessoal. A tarde fizemos nossa vivência da Carta Branca. Tivemos um tempo para preparar-nos individualmente para esta entrega de confiança heroica na condução de Deus para as nossas vidas. Este momento ficará gravado nos nossos corações com a vivência do sublime nas situações mais singelas da nossa existência! Em seguida tivemos  momentos retiro pessoal, assim, no silêncio pudemos elaborar a nossa própria oração de consagração como Membro. Pe Ottomar ouviu nossas confissões e em seguida nos encontramos no Santuário para a hora solene de entrega da Carta Branca e Consagração de Membro. Toda a Jufem uniu-se a nós neste momento tão importante. Dentro do Santuário estavam nossos familiares, as antigas dirigentes diocesanas da Jufem, muitas delas hoje pertencentes à Liga de Famílias. As meninas do grupo de violão nos acompanharam tornando este momento ainda mais solene. Todas queriam participar, por isso, os grupos da Jufem e várias Apóstolas se colocaram ao redor do Santuário enquanto rezávamos. Além da Jufem e nossos familiares também estiveram conosco os casais da Liga de Famílias que também pertencem ao Círculo de Membros em nossa Diocese. Emocionadas rezamos nossa oração da Aliança de Membros e em seguida, nos ajoelhamos em frente ao altar da RTA e silenciosamente rezamos nossa Oração Pessoal de entrega da Carta Branca. Em atitude de liberdade entregamos à Mãe nossa Carta Branca pelas mãos do Padre Otomar, que em troca nos entregou a medalha de Membro de Schoenstatt. Esta medalha carregamos no peito com profundo respeito, pois ela nos lembra sempre de novo este ato de amor. Ajoelhadas e segurando nossa Bandeira Nacional da Jufem Brasil, fizemos o juramente à bandeira, demonstrando nosso pertencimento à obra de Schoenstatt e nosso total empenho por ela. Ao sairmos do Santuário toda a Jufem estava reunida em frente ao Santuário para comemorar conosco este momento de graças. Escreveram-nos mensagens, fizeram uma linda homenagem e nos entregaram lírios. Mal podíamos conter a emoção, pois sabíamos profundamente a alegria que tínhamos em termos nos entregado à MTA como Membros de Schoenstatt POR CADA UMA DELAS! Queríamos poder dizer isto naquele momento, mas a emoção tomou conta, e os sorrisos em nossa face assumiram a função de expressar nossa gratidão a cada um delas! Juntas, seguimos para a Tenda, onde celebramos a Santa Missa e a renovação da Aliança de Amor com toda a Família de Schoenstatt. Ao final, fizemos um novo Envio das Peregrinas da Missão Jovem de Schoenstatt.

———————–

“Nossas vidas se transformam a cada novo dia em um viver conforme os planos de Deus. A confiança na condução divina nos concede uma despreocupada alegria. É tão bom saber que é Deus que está com as rédeas. Cada uma de nós concedeu solenemente a Ele a régia liberdade sobre as nossas vidas. Temos a consciência de que nossas vidas serão ainda mais de doação e entrega pela nossa amada JUFEM e por toda a família de Schoenstatt. Agradecemos as orações e palavras de motivação das nossas irmãs de Aliança que nos acolheram no Círculo de Membros. e agradecemos de forma muito especial o emprenho e dedicação da Ir. M. Rosangela, que não mediu esforços e conduziu toda a nossa preparação. Também somos gratas pelo acompanhamento da nossa Assessora Diocesana, Ir. M. Olindina, que esteve ao nosso lado e organizou tudo durante toda a preparação. Ela em mim, hoje e sempre! Amém!” Aline

“Depois de muito tempo nos preparando, nos encorajamos e damos o primeiro passo, sim o primeiro passo de muitos desafios que ainda estão por vir, mas com muita coragem e amor assumimos esta missão. Foi um momento muito especial para todas nós, pois entregamos nossa vida aos cuidados de nossa querida Mãe, para que Ela conduza como for da sua vontade, nos entregamos inteiramente a Ela. Somos a geração 2014” Daniela

“Deus tem um plano para cada uma de nós. A nossa parte, é perceber o que o bom Deus espera e traçou para nossas vidas e viver conforme Ele nos preparou. Dar nosso Sim confiante aos seus planos e fazer de nossas vidas uma entrega diária para Deus e sua Mãe, Maria. É conhecido o grande feito de 1914. Mas lembro-me diariamente de 1912… Quando ali nasce Schoenstatt de fato. De nada adiantaria o 18 de outubro de 1914 se não houvesse a chama nos corações e o atuar do Espirito Santo aos jovens Seminaristas e ao amado Fundador, Padre José Kentenich quando vos colocou o propósito da Auto Educação. Assim nasce Schoenstatt. Assim nasceu e nasce nossa Carta Branca e Aliança de Membro, diariamente, pois nosso Fundador também tocou nossos corações ao nos pedir a Auto Educação e assim, com isso, as promessas e exigências da Aliança de Amor, elevam-se ao alto todos os impulsos, em cada traço do nosso dia a dia, e em cada pessoa cujo nosso caminho está ligado. Entregar a Carta Branca a Deus, é a mais singela entrega que podemos fazer, pois de fato é Ele e sua Mãe, Maria, Mil vezes Admirável que escrevem nas linhas e nós, damos nosso Sim fiel e filial. Confiamos cegamente e em toda a situação. Estamos sob Proteção de Maria e assinamos embaixo, assumindo nossa entrega e confiança que Deus é bom, e bom é tudo que Ele faz. Preencheu-me a Aliança de Membro, outrora esta seja para mim, um efeito da Carta Branca. Assumir nossa Obra de Schoenstatt e arder por ela é nosso propósito de vida. Ser membro é assumir de tal forma quanto os nossos heróis primeiros, e caminhar junto com nosso Fundador, para o eterno Schoenstatt. Rezo por nós, e por todos os Membros de Schoenstatt, assim como para toda a Família desta Obra, que pra mim, é Vida. Unidas sempre em Oração. Fiquemos nisto, e permaneçamos fieis. Agora, mais do que nunca, Mor Sola.” Samanta

Oração Individual no silêncio da Entrega da Carta Branca

 

 

Homenagem da JUFEM da Diocese de Frederico Westphalen

 

JUFEM reunida em torno do Santuário

3 Comentários em "O grande dia de nossa consagração – Jufem Frederico Westphalen, RS"

  1. Ir. M. Rosangela | 11 de junho de 2014 at 0:24 | Responder

    Parabéns! Foi uma celebração lindíssima. Sentimos que vocês se prepararam muito para este momento de graças.

  2. Com certeza nosso Pai e Fundador tem muito orgulho de vocês e nós também!!!
    Que as graças recebidas neste dia as façam fortes e fieis ao grande SIM dado a Schoenstatt!!!

  3. Luana Krzyzaniak | 11 de junho de 2014 at 3:08 | Responder

    Muito lindo presenciar esse grande SIM da vida de vocês! Parabéns meninas #VivaOCentenário #AmarSchoenstatt

Deixe seu comentário

Seu email não será publicado.


*