Rainha dos Lírios: a Indivisa Christi!

Nesta Semana Santa queremos contemplar nossa querida Mãe, Rainha e Vencedora Três Vezes Admirável de Schoenstatt em um belo raio de suas glórias – Indivisa Christi.
Maria, enquanto autêntica Filha, Mãe e Esposa de Deus é também Corredentora: esteve junto a Cristo desde o início da Obra da Redenção, e com Ele colabora até o fim dos tempos.  Por isso podemos dizer que Maria é Indivisa a Cristo! Onde um está, está também o outro.
Maria foi Indivisa na Anunciação: mesmo antes de conceber, a Mãe de Deus já estava tão intimamente unida à missão do Messias – missão para a qual nascera – que sua reposta livre se resumiu em um “faça-se” criador de história e salvação.
Maria foi Indivisa no nascimento de Cristo: trouxe Jesus à vida e, dessa forma, vida aos homens.

Maria foi Indivisa em Caná: com profunda compaixão e caridade, intercede o primeiro milagre do Filho. Ambos atuaram unidos nas bodas de Caná.

Maria foi Indivisa na Cruz: permanecendo firme ao lado do Filho, Jesus nos presenteou sua própria mãe, tornando inquestionável sua relação fraternal com cada um de nós.

Maria foi Indivisa na Igreja: na prolongação da permanência de Cristo entre nós através da Santa Igreja.

Maria foi Indivisa na Assunção: tal dogma é prova de que não volta ao pó a mais pura do jardim de Deus. Se foi Indivisa na terra, também no Céu a Mãe de Deus deve permanecer ao lado de Jesus. Eis aí sua missão permanente.

Indivisa_Christi

Indivisa Christi

Maria é Indivisa nos milagres e aparições: em cada manifestação de Maria, seja de ordem ordinária ou extraordinária, encontramos sempre o Indiviso, Jesus Cristo, que em mão dupla, promove o contato entre o humano e o divino através de Maria.
Maria é Indivisa na educação: nossa MTA é educadora porque é nossa mãe e Mãe de Deus. E é mãe porque Deus quis que seu Filho viesse ao mundo através dela, entregando toda sua formação nas mãos da Virgem de Nazaré. Portanto, como foi magnânima na educação do Filho de Deus, Maria também é nossa fiel educadora, capaz de formar a imagem de Cristo em nós.

Em toda sua vida de Indivisa, Maria não foi apenas uma coadjuvante, mas pelo contrário, foi protagonista silenciosa, que, com cetro de amor, pureza, filialidade e humildade, imperou e impera com o Cristo Rei. Por isso reconhecemos a Mãe de Deus como Rainha. Sendo Mãe do Rei
dos reis, do Príncipe da Paz, também foi eleita e coroada por Deus.
Para nossa Juventude Feminina, a Mãe de Deus não é apenas Rainha, mas a RAINHA DOS LÍRIOS. Queremos ser uma pequena Maria, ser reflexo da grande Maria. Almejamos formar em nós e na sociedade a imagem da mulher redimida em Cristo, comprovada em Maria. Somos o lírio do Pai e temos como espelho a Filha Predileta de Deus, a Imaculada! Como Mãe, Rainha e Vencedora, nossa Mater deve triunfar através de nós, de nossas vidas e testemunho!
Maria, Indivisa na educação, deve formar em nossa Juventude o canteiro de lírios que o mundo de hoje tanto necessita, de modo particular neste tempo de preparação para o Jubileu de 100 anos da Aliança de Amor.

 

Cada ação, esforços e vitórias devem compor um lírio de sua coroa. Hoje somos nós, Juventude Feminina de Schoenstatt brasileira, mais precisamente em 2012, que devemos pôr sobre a fronte da Mãe de Deus a Coroa Lirial. Devemos nós, hoje, ser e formar uma única coroa viva, a coroa de lírios da Rainha da Pureza!

Por: Sara Simplicio

Seja o primeiro a comentar em "Rainha dos Lírios: a Indivisa Christi!"

Deixe seu comentário

Seu email não será publicado.


*