Voluntárias conhecem Londrina e Ibiporã

A Juventude Feminina de Schoenstatt (Jufem) de Londrina e Ibiporã (PR) teve o prazer de receber entre os dias 12 e 15 de abril as três voluntárias que estão ajudando a preparar o nosso encontro internacional Cor Unum – Geração 2014, que acontecerá em Atibaia no mês de julho. São elas: Coni do Chile, Karen e Sylviamaria do Equador.

Foi uma experiência única e marcante, um final de semana incrível, no qual pudemos aprender um pouco mais sobre a Jufem e estarmos unidas como um único canteiro de lírios.

Como é bonito a disponibilidade das meninas de deixarem seus países, pais, namorados, amigos e se colocarem à disposição da Mãe de Deus, dando seu ‘Sim’ alegre e jovial, colocando em prática o EIS-ME AQUI, e vindo até o Brasil para ajudar a preparar esse encontro, o qual estamos em contagem regressiva. Com certeza, a ajuda delas fará toda a diferença para que sejamos muito bem recebidas em Atibaia, tornando-se um momento marcante em nossas vidas.

Realmente foi uma experiência diferente de tudo o que já tivemos aqui como JUFEM, pudemos conhecê-las, perceber que não estamos sós e que não lutamos sozinhas pelo nosso ideal, somos uma mesma família.

Durante esse final de semana, uma mistura entre o espiritual e o natural aconteceu, tivemos momentos como: “Os passos do Pai” – visita aos recintos em que o Pai e Fundador passou quando esteve em Londrina. Em preparação à Jornada Mundial da Juventude não podia faltar o “Momento JMJ” na Capela Histórica, quando rezamos um terço internacional e contemplamos os mistérios em diversos idiomas: francês, alemão, inglês, português e espanhol. Para encerrar não podíamos deixar que elas viessem a Londrina e não participassem da Santa Missa Jovem, que foi, sem dúvida, mais um momento importante de encontro com Deus!

Aproveitamos ainda essa agradável visita para proporcionar às voluntárias passeios pela cidade de Londrina e uma noite brasileira: um delicioso churrasco! Foi um momento de vinculação ainda mais forte. Partilhamos da cultura de cada país e as ensinamos a dançar samba!!

A alegria contagiante de cada uma delas, o amor pela Jufem, pela Mãe de Deus e pelo Santuário nos estimulou ainda mais esperar por esse grandioso encontro, sabendo que lá estarão mais meninas de todos os lugares do mundo que vivem o mesmo ideal que nós, unidas por amor a Deus e à MTA. Nestes dias pudemos experimentar um pouquinho de como será o Cor Unum!

O depoimento de Coni, Karen e Sylviamaria nos relata um pouco do que elas viveram ao longo desses dias no norte do Paraná:

“Verdade é que novamente confirmamos que Schoenstatt é uma família, em que há parentes por todo o mundo, cada um à espera de conhecer e acolher um novo membro dela. Chegar ao Santuário e conhecer a Jufem foi como regressar à casa, voltar ao que estamos acostumadas: uma juventude muito alegre, idealista e disposta a cumprir o querer de Deus, além de ter um amor profundo a Maria; uma juventude que quer levar a bandeira ao alto, que tem dificuldades e desafios muito parecidos aos nossos, mas que sem medo luta diariamente por conquistar seu ideal. Realmente o ideal de ‘Tabor para o mundo’ elas trazem muito enraizado: Quantas maravilhas tivemos em Londrina e Ibiporã!”

Os momentos que tivemos com as voluntárias nos confirmaram que a Jufem Internacional, seja do Equador, Chile, Europa ou Brasil – é um só coração no Pai, unidas como a Geração 2014 que quer marcar a virada do 1º século schoenstattiano sendo coroa viva para a Igreja!

Coni, Karen e Sylvi sejam sempre bem vindas em Londrina e Ibiporã! Já estamos com saudades e ansiamos que chegue logo julho para nos revermos!!! Unidas no coração do Pai e

Por: Larissa Pieralisi e Suzana Guariente – Londrina/PR

1 Comentário em "Voluntárias conhecem Londrina e Ibiporã"

  1. Thomé Lovato, pai do Pedro, pertence à Obra de Famílias de Schoenstatt, é Diretor do Centro de Ciências Rurais, na UFM, curso que perdeu o maior número de alunos, e na abertura das aulas, em 4 de fevereiro disse aos seus alunos: ”Acho que, se Deus aplicou este sofrimento em nós, foi para poupar outros. Temos força para resistir e vamos continuar”.

Deixe seu comentário

Seu email não será publicado.


*