Regional: Paraná

Data de Fundação: 1985

                A história da Jufem Cornélio Procópio/PR teve início em 1985, com o grupo HEMILI (Heroicas Missionárias Liriais). Na época, ainda sem o Santuário físico na cidade, as reuniões eram realizadas na escola Chácara da Emília, cuja diretora era Aparecida Rocha Medeiros, uma grande incentivadora da Jufem.

                Na década de 1990 iniciaram-se os preparativos para a construção do Santuário de Cornélio Procópio. Neste processo, a Jufem foi responsável pela conquista espiritual das paredes e pela conquista física das luzes pendentes que existem até hoje. No alicerce do Santuário, está uma carta com as assinaturas das jovens que pertenciam à Juventude naquela época.

A primeira Aliança de Amor foi selada em 1992 e, com o passar dos anos, a Jufem Cornélio foi se desenvolvendo, tornando-se um dos maiores ramos do Santuário Tabor da Fidelidade à Igreja. Em 2015, após o Encontro Nacional da Jufem, as jovens sentiram um profundo desejo de expandir o ramo para que mais meninas participar. Assim, em 2016, cinco grupos foram criados.

                Desde então, a Jufem cresce cada vez mais com eventos, conquistas e luta para viver o ideal além dos muros do Santuário. Atualmente o ramo conta com mais de cem meninas, divididas em 12 grupos. Cinco deles já selaram Aliança de Amor e conquistaram os nomes de grupo. Além da Jufem, as Apóstolas Luzentes de Maria são numerosas na cidade. Setenta meninas estão distribuídas em seis grupos. São dois da fase rosa, três da faze laranja e um da fase azul.