Regional: Nordeste

Data de Fundação: 30 de abril de 2000 / 4 de abril de 2008

                A partir de uma ideia lançada no coração das jovens – a princípio dada pela Ir. Marisa, assessora do movimento- que no dia 30 de abril de 2000, a Juventude Feminina floresceu na cidade de Olinda/PE. Neste dia, aconteceu o encontro organizado pela Ir. Cassiana e uma outra jovem. No encontro as 13 jovens participantes prometeram total empenho pela Jufem, assinando seus nomes em um pequeno coração.

                Em 06 de agosto do mesmo ano, as jovens conquistaram uma mão que segura uma concha com uma pérola dentro. A mão simboliza o Pai Fundador, a concha, o Santuário; e a pérola cada uma das meninas. O grupo inspirou-se no grão de areia que entra na concha e depois de um longo processo de transformação se torna pérola acolhida e protegida pela ostra. As jovens viram este processo como a transformação que acontecia em cada uma junto ao Santuário, transformadas pela Mãe. Conquistaram o nome “Pérolas liriais da Mãe Rainha” e em 08 de dezembro selaram sua Aliança de Amor.

                Em 2001 formou-se um novo grupo e em 01 de junho o grupo “Pérolas liriais da Mãe Rainha” selou a Aliança fraterna a fim de vincularem-se ainda mais. Impulsionadas pelo ideal peregrinaram a Santa Maria/RS e levaram consigo um tecido, para a futura conquista da bandeira. O canteiro de lírios cresceu e mais meninas selaram sua Aliança.

                O ano de 2004 foi um tempo de deserto e preparo. As meninas se dispersaram e apenas uma menina continuou frequentando um grupo misto de jovens. Em 2009, conhecendo uma menina que havia sido Apóstola de Maria, retomaram as atividades no Santuário Tabor da Nova Evangelização. O sim das jovens e o cuidado da Mãe de Deus em atrair novos corações fez surgir novos grupos. Em 23 de abril de 2011 os grupos peregrinaram ao Santuário de Garanhuns para o retiro de preparação da Aliança de Amor. Em 15 de maio do mesmo ano, 12 meninas entregaram seu coração para a Mãe de Deus. Mais tarde, em 22 de agosto as meninas começaram as reuniões com as Apóstolas de Maria.

                No ano de 2013 duas jovens selaram Aliança de Amor e sete jovens participaram do Encontro Internacional Cor Unum, em Atibaia, e da JMJ, no Rio de Janeiro. No ano seguinte, ano jubilar, aconteceram várias conquistas: mais uma Aliança de Amor; dois grupos conquistaram seus nomes: “Lírios do Pai, filhas da Rainha” e “Sim Pai, heroicamente lapidadas por Maria”. Durante a celebração do centenário a Jufem coroou a Mãe com a coroa RTA no Santuário.

                Em 2015 a dirigente de ramo participou do encontro Nacional de Dirigentes e 12 meninas estiveram no Encontro Nacional em Londrina/PR. A Jufem Olinda, por fim, conquistou a bandeira que sonhavam desde 2001. Em 08 de dezembro de 2016 mais três jovens selaram sua Aliança de Amor e muitas meninas chegaram à Jufem. Em 2017 mais duas jovens selaram Aliança, as Apóstolas de Maria tiveram sua consagração, o ramo realizou a jornada de dirigentes e três representantes peregrinaram até Santa Maria/RS para o Encontro Nacional de dirigentes.

                O ano de 2018 foi muito especial. Uma das jovens atendeu o chamado vocacional à vida religiosa e tornou-se Irmã de Maria, Ir. Maria Jaci Silva de Morais, trazendo grande alegria ao ramo. Em 25 de novembro aconteceu o primeiro encontro regional das Apóstolas de Maria do Nordeste. Em 2019 a Jufem e as Apóstolas realizaram mais um encontro.

                Atualmente a Jufem conta com 19 meninas (divididas em dois grupos) e nove Apóstolas de Maria (divididas em dois grupos).