Após muita conversa e oração chegamos ao resultado final do nosso logo.

Nele temos presente todos os itens indispensáveis para celebrar o nacional: o lema, o lírio, algo do Pai, a Rainha da Promessa e o lado feminino.

Hoje a grande tendência é do “menos é mais”, por isso a escolha de um logo mais minimalista e com todos os elementos inseridos no próprio lema, como se fossem um só, ou melhor, mostrando realmente que é tudo a mesma coisa.

A aposta para a tipografia foram duas fontes bem delicadas; a primeira tem os cantos arredondados trazendo essa delicadeza que esperamos, além disso a cor dela é a neutra da nossa paleta de cores para trazer equilíbrio e seriedade. A segunda fonte é uma manuscrita, além de ser totalmente feminina – trazendo o salmão para reforçar isso- ela remete a uma assinatura, que pode ser vista de duas formas: cada meninas assumindo a missão de ser essa promessa e a MTA reforçando a confiança que sente em nós.

Também temos presente o ano do nacional, para realmente ficar gravado na história esse encontro marcante. Agora nos elementos gráficos temos a Rainha da Promessa com o lírio logo ao centro, afinal somos pequenas Marias. Para o Pe. José Kentenich temos o famoso chapéu que nos acompanhou no logo do Ano Pai, reforçando sua presença. E por fim um coração pois o amor é o que nos move.